Blog

Confira nossas novidades e assine nossa newsletter!

Assine nossa Newsletter

Veja outros Posts

Canvas: como fazer e escolher o melhor tipo para o seu projeto

Canvas: como fazer e escolher o melhor tipo para o seu projeto

Canvas: como fazer e escolher o melhor tipo para o seu projeto

  • 3/10/2018
  • Robson Camargo

 

O Canvas é um ótimo instrumento para a gestão de projetos. No entanto, você tem algumas dúvidas sobre Canvas, como fazer e qual é o mais indicado para obter os melhores resultados em seu projeto?

Pois bem, o modelo Canvasé uma ferramenta que ganhou popularidade, inicialmente, entre os empreendedores, com raízes profundas no mercado de alto impacto. No entanto, cada vez mais, ganha espaço na área de projetos. Conheça um pouco mais sobre como fazer um Canvas de projeto.

Como fazer Canvas?

O plano de negócios Canvas é uma representação visual de modelos de negócios novos ou que já estão em progresso que fornece uma visão holística e é especialmente útil para analisar e comparar o impacto que um aumento no investimento pode ter sobre os mais diversos setores da empresa.

Uma das vantagens dessa ferramenta é oferecer às pessoas uma linguagem comum através da qual podem avaliar processos tradicionais e encontrar espaço para inovar.

A ideia é ter um quadro em branco (canvas, em inglês) dividido em seções que garantem que o empreendedor tenha considerado todos os fatores importantes para determinar um modelo de negócios apropriado.

O modelo ajuda o empreendedor a ter uma visualização ampla do negócio, de maneira simples.

A ferramenta consiste em um quadro (ver imagem no post), que pode ser impresso e colado num mural ou mesmo na parede. Ele apresenta em blocos o que o idealizador considera os nove fatores-chave de um empreendimento: parcerias-chave, atividades-chave, recursos-chave, proposta de valor, relacionamento, canais, segmentos de clientes, estrutura de custos e fontes de renda.

 

Há vários sites na internet que possibilitam a impressão do quadro Canvas, como fazer para preenchê-lo, você verá a seguir.

O Canvas servirá como um guia que pode ser empregado para registrar e colocar ideias em ação dentro do âmbito empresarial – e você pode aprender a fazer Canvasfacilmente.

Outra vantagem que o modelo Canvas oferece é a facilidade para fazer alterações, especialmente importante para startups que estão no começo da empreitada – num plano de negócios tradicional, uma pequena mudança já confere bastante trabalho.

Essa facilidade em adaptar o Canvas possibilitou um modelo de Canvas para o gerenciamento de projetos, que pode ser usado nas mais variadas fases de um projeto.

 

Canvas de gestão de projetos

No Brasil, quem criou o Project Model Canvas, ou o Canvas de projetos número 1 no do país foi José Finocchio. O Canvas de projetos do PM Visual, desenvolvido por mim, é um pouco diferente do Canvas de Projetos do Finocchio.

O Canvas de projetos do PM VISUAL tem como base inicial colocar em uma lâmina, do tamanho  A1, todas as informações que compõe um Plano de Projeto em nível macro, que de certa forma pode ser considerado o termo de abertura do projeto.

A elaboração do Canvas de Projetos do PM VISUAL (que é um Modelo de Canvas, dentre tantos) é um trabalho que dura cerca de 2 horas e gera um nível de confiabilidade de 16% quanto às estimativas de prazo e custos do projeto trabalhado.

Canvas: modelo de explosão de lâminas

Qual a melhor maneira de planejar um projeto? E o que é PM Visual?

O Project Model Visual, ou apenas PM Visual, propõe uma maneira de planejar e gerenciar um projeto de forma rápida, colaborativa e eficaz, utilizando conceitos de neurociência e design thinking.

Com 8 horas de dedicação, o planejamento consiste em usar o Canvas como base, explorando seus elementos em outras sete telas essenciais, compondo assim todos os aspectos fundamentais para a elaboração de um projeto.

Isto é: no Canvas inicial do PM Visual, a lâmina original recebe uma explosão em outras sete lâminas: Escopo, Prazo, Custo, Equipe (Recursos Humanos), Comunicação, Riscos e Aquisições (compras necessárias para o projeto), o que potencializa significativamente as chances de sucesso do projeto, e por consequência, do negócio.

Para realizar o detalhamento destas outras lâminas (e por que não dizer, desses outros Canvas?), serão necessárias mais 6 horas de trabalho, totalizando oito horas, de forma colaborativa, junto com toda a equipe do gerenciamento de projetos.

O objetivo é, por meio de um trabalho que envolve toda a equipe e com uso de diversos recursos visuais, como post-it, tornar o planejamento simples e prático, possibilitando a leigos e profissionais experientes trabalharem as ideias de um projeto de maneira integrada, gerando o alinhamento necessário entre todos os stakeholders envolvidos.

Ou seja, um único dia de trabalho, que vai promover um aumento no índice de confiabilidade dos resultados de projeto para 68%.

O que são as lâminas de Canvas do PM Visual?

No model Canvas Visual de Projetos ou modelo de Canvas do PM Visual cada lâmina tem um objetivo e um modelo:

A primeira lâmina é a explosão dos entregáveis, que se refere ao Escopo do projeto.

A segunda lâmina de Prazo, permite fazer um cronograma de 25 linhas, que fora do Brasil é chamada de Master Plan ou High Level Plan, ou seja, um cronograma executivo.

A terceira lâmina é o Orçamento, na qual você monta o fluxo de desembolso do projeto.

A quarta é a lâmina de Recursos Humanos, da equipe, onde você monta uma matriz de responsabilidades e organograma do projeto.

A lâmina número 5 é a parte de Comunicação, onde você monta o plano de comunicação, e combina as reuniões do projeto.

A lâmina número 6 é a análise qualitativa dos riscos, contendo a probabilidade e o impacto de cada risco.

A lâmina número 7 é o mapa de aquisições, onde você lista tudo que tem que comprar para o projeto.

Pra detalhar mais didaticamente cada parte do Canvas e cada lâmina, uma fonte é o livro “PM Visual”, publicado pela Editora Saraiva.

Também é possível fazer download das lâminas no meu site na aba “Materiais”. Acesse: robsoncamargo.com.br

Mas se você quer um conhecimento no assunto, temos um treinamento sobre Canvas de Projeto e PM Visual aqui na Robson Camargo Projetos e Negócios que tem por objetivo ensiná-lo a planejar um projeto nestas 8 horas.

Durante 8 horas de treinamento, você vai entender a importância dos projetos nas organizações, o que é projeto e suas características, fatores de sucesso e muitos outros tópicos.

Além dessas maneiras de conhecer melhor o modelo do uso de vários Canvas de projetos, outro meio são os cursos pelo sistema EAD (Ensino à Distância), que podem ser adquiridos on-line e estão disponíveis em vídeo, também disponível no site robsoncamargo.com.br.

É preciso fazer todas as lâminas do plano de projetos Canvas?

Depende do tamanho do projeto, ou seja, para muitos projetos pequenos, o Canvas sozinho, isolado, vai ser o suficiente.  Em alguns, o Canvas inicial do PM VISUAL, mais o PBS-Product Breakdow Structures (definição do escopo) e o Cronograma de 25 linhas.

Pra outros projetos um pouco maiores, você vai precisar detalhar um pouco mais, então quer dizer, pelo menos fazer o PM Visual completo.

E para uma empreitada grande, por exemplo, uma Usina Hidrelétrica, ou um projeto de TI imenso, é necessário fazer uma pasta mais detalhada.

Importante é dizer que o detalhamento cada vez maior vai gerar maiores índices de confiança nas estimativas de prazo e custo gerando bons resultados.

Uma pasta detalhada, mais completa ainda, vai levar alguns dias ou semanas pra fazer, porque o detalhamento de cada item é muito maior, por exemplo, do escopo, cronograma, do orçamento. Mas neste caso a confiabilidade das estimativas sobe para 84%.

Qual é o melhor tipo de Canvas para projetos?

Você deve estar se perguntando qual dos modelos de planejamento apresentados é o mais indicado para o gerenciamento de projetos da sua empresa. Para responder a essa pergunta, é importante analisar quais são as suas métricas e o que é aplicável no momento.

Há muitos projetos que não possuem custos gerenciáveis ou que precisam ser feitos e apresentados rapidamente. Nesse caso, um plano de projeto pode não ser indicado, por sua complexidade e pelo tempo maior de elaboração.

Independentemente de qual seja o modelo escolhido para aplicação na sua empresa, é importante lembrar que tanto o plano de projeto quanto o project model canvas não devem ser fixos, imutáveis.

Eles precisam estar em constante mutação, já que surgirão novas informações, ameaças, incertezas e possibilidades durante o decorrer da sua execução.

Ambos também precisam ser pautados dentro de um cenário factível, que contemple todos os objetivos, restrições e recursos disponíveis; caso contrário, a chance de fracasso será grande.

E você, já conhecia essas estratégias para o planejamento e gerenciamento de projetos? Comente aqui!

E se você quer entender melhor, acesse esse vídeo no qual explico como planejar projetos em um dia:

 

 

Sobre o autor

Robson Camargo, PMP, MBA, GWCPM, ASF é professor nos cursos de MBA das Principais Escolas de Negócio do País: FGV, Fundação Dom Cabral e FIA/USP com Certificação PMP – Project Management Professional emitida pelo PMI, MBA em Administração de Projetos pela FEA/USP e Master Certificate pela George Washington. Robson Camargo é autor do livro PM VISUAL e criador do Método PM VISUAL. Sua equipe realiza treinamentos e consultorias em empresas do Brasil e exterior. Robson Camargo está à frente da RC Robson Camargo – Projetos e Negócios, há mais de 11 anos.

As marcas PMP, PMI, PMBOK e a logomarca “REP” RegisteredEducationProvaider são marcas registradas do Project Management Institute, Inc.

 

 

 

 

Deixe seu Comentário

Agenda

Confira nossa programação!

Sobre

É uma empresa de Educação Corporativa oficialmente homologada pelo PMI com o selo de R.E.P. (Registered Education Provider), alinhada com o Triângulo de Talentos do Gerente de Projetos

Você também pode se interessar

Newsletter