Blog

Confira nossas novidades e assine nossa newsletter!

Assine nossa Newsletter

Veja outros Posts

Liderança no gerenciamento de projetos: saiba como desenvolver

Liderança no gerenciamento de projetos: saiba como desenvolver

Liderança no gerenciamento de projetos: saiba como desenvolver

  • Robson Camargo
  • 15/6/2018

 

Que o bom líder proporciona melhores resultados em uma organização, disso não há dúvidas. Mas você sabia que dentro do contexto corporativo, cada organização pode exigir diferentes estilos de liderança para atingir metas?

No gerenciamento de projetos é preciso saber liderar, mas também saber o momento de controlar, ou seja, apertar e soltar na medida do necessário. Exercer a liderança em um projeto, muitas vezes, exige um tanto de autoconhecimento do gerente de projetos para entender em quais pontos deve melhorar e quais virtudes deve fortalecer.

Afinal, gerenciar e conduzir as pessoas em direção a um objetivo comum não é tarefa das mais fáceis. É preciso muita disciplina e dedicação.

Para um gerente de projetos  se desenvolver neste aspecto, vale investir em curso de liderança e até mesmo ferramentas de autoconhecimento como o teste de personalidade MBTI? Mas você sabe o que é MBTI? Logo abaixo vamos explicar.

O que é liderança?

Podemos dizer que liderança é a arte de motivar um grupo a atuar na busca de um objetivo comum. O líder inspira e dirige a ação, é a pessoa que reúne uma combinação de personalidade e habilidades que motiva outros a seguirem sua direção.

Mas além da inspiração, a eficácia na liderança também prevê habilidades de comunicação e práticas de supervisão. E o que é isso? O bom líder precisa saber se comunicar, ser claro, efetivo e atingir todos da equipe, além de estar sempre atento e monitorar o que delegou.

O líder verdadeiro pode ser crítico, observador, e, às vezes, até perfeccionista, mas usa essas características para inspirar as pessoas com seu exemplo. Não é agressivo, não bate na mesa, não grita e nem humilha as pessoas na frente dos outros ou quando está sozinho com o seu subordinado.

 Acredita na excelência, por isso, costuma se atualizar, mas não deixa esse conhecimento apenas dentro dele, repassa para a sua equipe de modo que todos cresçam juntos. Por isso, é aberto à comunicação e adepto a feedbacks, gosta de usar a inteligência coletiva, pede sugestões, define limites e dá abertura para ampla manifestação para potencializar os resultados da sua equipe.

Quais são os tipos de liderança?

A discussão sobre o que é líder e os estilos de liderança surgiu para que as organizações conseguissem atingir melhores resultados focando nas características necessárias em cada modelo de empresa.

Muitas vezes também, em determinados momentos, como crises, o líder pode focar em características diferentes para atingir o resultado necessário para aquele cenário específico.

Veja aqui, alguns exemplos de lideranças presentes nas organizações:

Autocrático

É um dos tipos mais comuns nas organizações, é o velho e conhecido “chefe”. Não podemos dizer que está propriamente enquadrado nos padrões modernos de liderança. Ele detém toda a autoridade e responsabilidade, normalmente, toma decisões sozinho, sem consultar os subordinados, e espera aceitação e implementação rápida do que foi decidido.

Esse tipo de liderança não costuma ter muita flexibilidade e pode gerar quadros de desmotivação dos subordinados. E assim o ambiente de trabalho pode levar que a equipe só trabalhe efetivamente quando o chefe está presente.

Para entender bem esse tipo de “liderança”, podemos ter em mente o presidente americano, Donald Trump, que não esconde do mundo que só quer que façam o que ele determina.

Democrático

Já neste estilo de liderança, os subordinados envolvem-se nas decisões, embora o líder seja o responsável por delegar as tarefas a outras pessoas e deter a responsabilidade final.

Essa liderança é muito apreciada e envolve competência, criatividade, noções de equidade, inteligência, coragem e competência.

Liberal

Neste estilo, o líder oferece liberdade aos colaboradores para exercer suas atividades e tomarem suas próprias decisões sem uma interferência direta.

Pode ser eficiente na medida em que os colaboradores sentem-se motivados a trabalhar da maneira que for mais conveniente, mas aqui é necessário um ponto de atenção do líder: um colaborador que não é chegado a responsabilidades, aproveitando-se do grau de liberdade, pode deixar suas tarefas sem cumprir.

Motivadora

Liderança e motivação. Esse estilo busca objetivos atuando no emocional das pessoas, muitas vezes, esses líderes inspiram os colaborares a fazerem mais do que estava estipulado e, até mesmo, mais do que achavam possível.

Com seu forte otimismo, nos momentos de crise, une pessoas e objetivos com sua grande fluência verbal.

Estratégico

A liderança estratégica não está limitada a quem está no topo. É voltado para um público amplo em todos os níveis para criar uma organização de alto desempenho.

O líder estratégico preenche lacunas entre a necessidade de novas possibilidades e a necessidade de viabilidade, fornecendo um conjunto de hábitos, com pensamento estratégico voltado aos resultados esperados naturalmente pela empresa.

Técnico

Aqui o líder é o detentor do maior conhecimento e capacidade técnica. É aquele que sabe dizer o que fazer e em que resultado vai dar. Assim passa segurança aos subordinados, que o terão como modelo a seguir.

Leader Coach

Esse estilo tem um aspecto transformador também muito útil para iniciar mudanças em organizações, nos grupos e até em si mesmo.

Essa liderança é baseada nos princípios do coaching. Estimula o desenvolvimento de novas habilidades e aprimora capacidades e competências.

Por isso, lidera com assertividade, apresentando desafios e novidades motivadoras para criar um ambiente empreendedor e colaborativo.

Estimula foco, comunicação e liderança em parceria, auxilia na resolução de problemas e trabalha junto para eliminar obstáculos e limitações do time.

Líder situacional

Muitas vezes, um bom líder pode necessitar apresentar mais do que uma característica para o momento vivido pela organização, isso vai depender até de fatores socioeconômicos e características dos subordinados.

O que é a ferramenta MBTI?

Para  exercer uma liderança consciente também é preciso autoconhecimento para entender as próprias características e usá-las em seu benefício ou propor-se a mudá-las, quando não oferecerem condições de produzir bons frutos.

Para isso, os líderes poderão usar uma ferramenta conhecida como Teste MBTI ou MBTI Teste, que ébaseado nos tipos psicológicos do famosíssimo psiquiatra e psicólogo suíço Carl Gustav Jung (1875/1961).

Considerado o pai da Psicologia Analítica e da Psicologia Humanista,  além de ser um dos precursores da Psicologia Transpessoal, Jung, ao traçar perfil de personalidades, inspirou o que hoje é a ferramenta mais usada na tipologia de personalidade nos treinamentos.

O MBTI  é uma sigla que vem do nome Myers-Briggs Type Indicator e foi criado em 1941 por mãe e filha, Katherine Cook Briggs e Isabel Briggs Myers, com o objetivo de descrever de forma prática as preferências junguianas nas pessoas.

Na RC ROBSON CAMARGO PROJETOS E NEGÓCIOS temos cursos de liderança e gestão de equipes em que utilizamos o MBTI para determinar o perfil de personalidade dos participantes.

O MBTI vai possibilitar que o participante aprofunde o autoconhecimento, melhore relacionamentos interpessoais, amplie a capacidade de liderar, identifique novas oportunidades na carreira, crie equipes de trabalho mais produtivas, aprecie diferenças e entenda que os diferentes podem atuar juntos, usando suas capacidades como forças complementares.

Outra coisa que também mostramos no curso é a diferença entre liderar e “gerenciar”. Enquanto “Liderar” tem o enfoque em inspirar, cativar e motivar, “Gerenciar” tem o enfoque em controlar, focado em alguns aspectos representados pela pergunta que ninguém gosta de ouvir: “E aí, está pronto?”. Isso denota CONTROLE.

MBTI: tipos de personalidade através de 4 dimensões

Ao realizar o teste de personalidade MBTI, o participante vai ter contato com a descrição do seu tipo, reconhecer características e dons e, claro, as armadilhas de ser como é.

Para isso, será preciso preencher um questionário, onde precisará apontar as suas preferências em 4 dimensões diferentes, que vão gerar 16 MBTI personalidades, que são resultado da combinação de 4 pares de preferências, a partir de aspectos como Extroversão e Introversão, Sensação e Intuição, Pensamento e Sentimento, Julgamento e Percepção.

Cada par de preferência é uma sigla composta por quatro características: I ou E, para introversão ou extroversão; S ou N, para sensorial ou intuição; T ou F, para razão ou sentimento; J ou P para julgamento ou percepção.

Mas esses são traços gerais, para aprofundarmos é preciso entender as funções cognitivas MBTI em si. Cada preferência aponta um caminho diferente em termos de atuação e desenvolvimento pessoal e profissional.

É possível fazer o MBTI online? Sim, é claro. Mas se você quer aprofundar, discutir suas características e entender como ser um líder melhor faça o treinamento aqui na RC. É apenas um dia e vai possibilitar um grande  mergulho em você mesmo para desenvolver seus potenciais.

Tem dúvidas de como ser um líder melhor? Me procure no Linkedin ou aqui no site: robsoncamargo.com.br

Por enquanto, fique com um vídeo sobre trabalho em equipe:

 

Grande abraço!

 

Sobre o autor

Robson Camargo, PMP, MBA, GWCPM, ASF é professor nos cursos de MBA das Principais Escolas de Negócio do País: FGV, Fundação Dom Cabral e FIA/USP com Certificação PMP – Project Management Professional emitida pelo PMI, MBA em Administração de Projetos pela FEA/USP e Master Certificate pela George Washington. Robson Camargo é autor do livro PM VISUAL e criador do Método PM VISUAL. Sua equipe realiza treinamentos e consultorias em empresas do Brasil e exterior. Robson Camargo está à frente da RC Robson Camargo – Projetos e Negócios, há mais de 11 anos.

As marcas PMP, PMI, PMBOK e a logomarca “REP” Registered Education Provaider são marcas registradas do Project Management Institute, Inc.

 

 

Deixe seu Comentário

Agenda

Confira nossa programação!

Sobre

É uma empresa de Educação Corporativa oficialmente homologada pelo PMI com o selo de R.E.P. (Registered Education Provider), alinhada com o Triângulo de Talentos do Gerente de Projetos

Você também pode se interessar

Newsletter

Fale com a gente!