Blog

Confira nossas novidades e assine nossa newsletter!

Assine nossa Newsletter

Veja outros Posts

Quais os benefícios de criar um diagrama de contexto?

Quais os benefícios de criar um diagrama de contexto?

Quais os benefícios de criar um diagrama de contexto?

  • 13/7/2018
  • Robson Camargo

 

Já na sua 5ª edição do Guia PMBOK® (Project Management Body of Knowledge), o PMI® (Project Management Institute) apresentou o diagrama de contexto como uma ferramenta para “modelar” o escopo através de um forma gráfica.

E como bem sabemos, o escopo é a definição de tudo o que compõe o projeto, tudo o que vai ser necessário para a execução e sucesso da empreitada, como documentação, objetivos, entregas, atividades, custos, prazos, pessoal, etc.

Por isso,  criar um diagrama de contexto com todos esses dados pode ser muito útil não só no sentido de visualização, mas sim porque é justamente após a elaboração do escopo que as diretrizes serão tomadas para execução das tarefas e até mesmo as eventuais mudanças poderão ser realizadas sem atropelos. Com tudo  organizado, fica muito mais fácil rearranjar.

Para definir o escopo, o gerente de projetos  pode pensar em algumas ferramentas, uma delas é o Design Thinking Canvas , que tem abordagem a partir da Inteligência Coletiva, manifestada em uma reunião  na qual todas as propostas e sugestões da equipe são apresentadas para que sejam desenhadas as soluções para o projeto. A ferramenta faz uma união entre as metodologias Design Thinking e Canvas.

O que é diagrama de contexto?

O diagrama de contexto é um gráfico, composto por um fluxo de dados que mostra as interfaces entre o projeto e a sua relação com o ambiente em que vai ser desenvolvido.

O diagrama de contexto pode fazer uma verdadeira coleta de requisitos sobre o projeto. Segundo o Guia PMBOK®: “Coletar os requisitos é o processo de determinar, documentar e gerenciar as necessidades e requisitos das partes interessadas a fim de atender aos objetivos do projeto.”

Esses requisitos funcionais e não funcionais coletados serão essenciais para a elaboração de toda uma sequência de atividades, por exemplo, para criar EAP (Estrutura Analítica do Projeto), embora o diagrama de contexto não determine prazo, não seja um cronograma.

O diagrama de contexto pode ser considerado como uma forma mais aprofundada do Diagrama de Fluxo de Dados. Em análise de sistema, o diagrama de contexto software pode ser uma movimentação gráfica dos movimentos dos dados através de um sistema. Enquanto em análise de negócios, pode capturar e comunicar as interações e os fluxos desses dados coletados.

Podemos utilizar essa ferramenta gráfica para vários setores, por exemplo, utilizar um diagrama de contexto em uma biblioteca ou até um diagrama de contexto para pizzaria, ou seja, em lugares onde há fluxo de entrada e saída de produtos constantemente e que precisem ser monitorados.

Como fazer um diagrama de contexto?

Para entender como fazer diagrama de contexto,é preciso definir pontos como o nome do processo que representa o sistema, as  “entidades externas” com os quais está relacionado, como pessoas, organizações e outros sistemas, além dos dados trocados entre o sistema e o exterior e os próprios fluxos gerados.

Se a equipe técnica do projeto precisar apresentar mais detalhes, o diagrama de contexto poderá ser apresentado em processos menores em Diagramas de Fluxo de Dados (DFD) por níveis.

Normalmente, o Diagrama de Contexto Nível 0 é um DFD Nível 0, no qual é apresentado todos os processos por um único processo. Enquanto o Diagrama de Contexto nível 1, são os DFDs que possuem mais um elemento para notação gráfica, serão então a representação dos repositórios de dados (duas linhas horizontais paralelas).

No seu projeto, podem ser criados novas DFDs a partir do Diagrama de Contexto, de modo a decompor quantos processos sejam necessários.

Para fazer diagrama de contexto, exemplos de ferramentas gratuitas com as quais você pode criar o gráfico não faltam, inclusive com uso de cores e várias outras funcionalidades, como o Bisagi Modeler ou o Aris Express, mas entre elas,o Diagrama de Contexto no Visio, da Microsoft, é outra possibilidade.

Para elaborar um diagrama de contexto você precisa determinar os elementos gráficos que vão dar visualização imediata aos seus fins:

Retângulo – podem ser as entidades externas

Setas -  fluxo de dados

Círculos - processos

Veja um exemplo de tela de diagrama de contexto de sistema no Aris:

Mas também é possível criar um diagrama de contexto online com ferramentas como o aplicativo Lucidchart, que também oferece suporte a documentos do Microsoft Visio. Outra opção de ferramenta para elaboração do diagrama de contexto é o Draw.Io.

Bem, essas são apenas algumas formas de fazer o Diagrama de Contexto. Caso tenha mais dúvidas, me procure no LinkedIn,  por e-mail ou aqui no site: robsoncamargo.com.br

Um abraço

 

Sobre o autor

Robson Camargo, PMP, MBA, GWCPM, ASF é professor nos cursos de MBA das Principais Escolas de Negócio do País: FGV, Fundação Dom Cabral e FIA/USP com Certificação PMP – Project Management Professional emitida pelo PMI, MBA em Administração de Projetos pela FEA/USP e Master Certificate pela George Washington. Robson Camargo é autor do livro PM VISUAL e criador do Método PM VISUAL. Sua equipe realiza treinamentos e consultorias em empresas do Brasil e exterior. Robson Camargo está à frente da RC Robson Camargo – Projetos e Negócios, há mais de 11 anos.

 

 

Deixe seu Comentário

Agenda

Confira nossa programação!

Sobre

É uma empresa de Educação Corporativa oficialmente homologada pelo PMI com o selo de R.E.P. (Registered Education Provider), alinhada com o Triângulo de Talentos do Gerente de Projetos

Você também pode se interessar

Newsletter

Fale com a gente!