Blog

Confira nossas novidades e assine nossa newsletter!

Assine nossa Newsletter

Veja outros Posts

Diagrama de rede na gestão de projetos

Diagrama de rede na gestão de projetos

Diagrama de rede na gestão de projetos

  • 18/6/2018
  • Robson Camargo

 

Em todo projeto existem atividades sequenciadas que precisam de organização para uma maior eficiência em seus resultados terminais. Uma ferramenta que ajuda a sequenciar essas atividades e entender as suas lógicas é o diagrama de rede.

E são várias as justificativas para que seja usado um diagrama de rede em um projeto. A primeira delas é que com essa ferramenta é possível apresentar como todas as atividades estão relacionadas entre si do princípio até o final, o que pode ser muito útil para o cálculo da duração total do tempo de execução do projeto.

E que gerente de projeto não quer uma carta na manga para enxergar possíveis atrasos e corrigi-los em tempo, ao mesmo tempo em que gerencia produtividade e todas as outras etapas do ciclo de vida de um projeto?

Mas vamos entender: o que é um diagrama de rede?

De forma simples,posso dizer que é um gráfico que apresenta as atividades que constituem o projeto e como elas interagem. Dependendo do objetivo e do escopo, o diagrama de rede de projeto poderá ter muitos detalhes, que ajudarão a fornecer uma visão mais clara a respeito das sequências de atividades.

Na visualização do trabalho podem ser apresentadas as atividades dos projetos em caixas identificadas e suas inter-relações são apresentadas por meio de setas.

Mas se formos tratar de mais benefícios do diagrama de rede online, além dos mais evidentes, podemos citar que também ajuda no planejamento, organização e controle do projeto. E até mesmo para a execução a ferramenta é muito útil, porque é um quadro que apresenta de forma instantânea as atividades do projeto vinculadas às suas dependências.

Ao apresentar as interdependências das atividades, fica mais fácil ver e entender qual atividade deverá ser seguida de outra, qual atividade depende de outra e quais devem ser predecessoras ou sucessoras no projeto. Isso gera mais dinâmica no fluxo de trabalho, porque toda a equipe poderá ver, de forma fácil, o que já foi realizado e as atividades que ainda restam.

Outra utilidade do diagrama de rede é apresentar o progresso do projeto e também permitir   compactar o cronograma, em caso de prováveis atrasos, encurtando a duração de atividades restantes, que sejam possíveis de ser realizadas em menos tempo. Isso permitirá concluir dentro do prazo.

Como fazer diagrama de rede do projeto?

Um diagrama de rede pode ser construído manualmente ou por meio do uso de um software diagrama de rede grátis. Você pode até mesmo fazer um diagrama de rede online.

Se você ainda está em dúvida sobre qual ferramenta vai usar paramontar um diagrama de rede, uma dica é colocartodas as informações primeiro em uma planilha do Excel e depois transferir esses dados.

Mas se a dúvida é como ajustar o diagrama de rede do Ms Project, para isso, basta incluir as atividades suas dependências e a duração de cada atividade.

Existem várias maneiras de desenhar um diagrama de rede no projeto, um deles é o Diagrama de Precedência (MDP) ou Atividade no Nó (ANN). Os nós são usados no lugar das caixinhas, para representar as atividades, e as setas para revelar as dependências.

  • Término para início (TI): A atividade anterior deve ser finalizada antes da sucessora.
  •  Início para início (II): A atividade anterior deve ser iniciada antes que a sucessora inicie.
  •  Término para término (TT): A atividade predecessora deve ser finalizada antes que a sucessora finalize .
  •  Início para término (IT): A atividade deve ser iniciada antes que a próxima finalize.

Além disso, existem 4 tipos de dependências entre as atividades em um projeto:

  • Dependência Obrigatória: É obrigatória pela natureza do trabalho ou especificada em contrato. Por exemplo: Para levantar as paredes de uma casa, primeiro é preciso construir o alicerce.
  • Dependência Condicional: A forma que a empresa escolhe para executar seu trabalho. No mesmo exemplo da construção de uma casa, é quando o empreiteiro determina que para começar a azulejar a parede é preciso esperar o cimento secar por 4 dias, para depois colocar a argamassa que vai fixar os azulejos.
  • Dependência Externa: São baseadas em necessidades externas, como regras do governo ou de fornecedores.
  • Dependência Interna: São baseadas nas necessidades do projeto e podem ser definidas pela própria equipe.

Outra funcionalidade do diagrama de redes é revelar o Caminho Crítico do Projeto ou  CPM (Critical Path Method), que serve para determinar o caminho de maior duração, que ajuda a determinar a data de finalização do projeto. E isso é de fundamental importância porque uma das principais missões de um gerente de projetos é tentar entregar um projeto sem atrasos.

 

O que é o Caminho Crítico?

O Caminho Crítico é a sequência de tarefas que não possui folgas nos prazos, por isso, não pode atrasar de maneira nenhuma, para não gerar comprometimento no prazo do projeto, ou seja, será preciso lidar muito bem com a gestão de tempo. Para isso, são determinados três tipos de folgas no cronograma do projeto.

  • Folga total: É a quantidade de tempo que uma atividade pode atrasar sem atrasar a data do projeto.
  • Folga livre: É a quantidade de tempo que uma atividade pode atrasar sem atrasar as atividades sucessoras.
  • Folga do projeto: É a quantidade de tempo que o projeto pode atrasar sem que atrase a data de entrega imposta pelo cliente.

Se for  o caso, para ficar mais coordenado com suas atividades e prazos, também é possível utilizar diversas ferramentas de gestão de projetos.

Como montar um diagrama de rede usando o Caminho Crítico?

Vai ser preciso listar todas as atividades necessárias para executar o projeto, elencar a dependência entre elas e determinar o tempo que cada uma vai levar.

A partir destes dados, é preciso calcular as datas de início e fim, e com esses elementos encontramos o Caminho Crítico.

Segundo o Guia PMBOK (Project Management Body of Knowledge), que reúne as melhores práticas do gerenciamento de projetos, existe um passo a passo para isso:

  • Montar o diagrama com as atividades e seus relacionamentos;
  • Incluir as atividades com suas respectivas durações;
  • Calcular as datas de início e término mais cedo ou antecipado (Early Start, Early Finish) - Caminho de ida;
    • Quando uma atividade tiver mais de uma predecessora, use a maior data de término mais cedo entre as predecessoras como data de início mais cedo da sucessora;
  • Determinar a duração do projeto;
  • Determinar as datas de início e término mais tarde (Late Start, Late Finish) - Caminho de volta;
    • Quando uma atividade tiver mais de uma sucessora; use a menor data de início mais tarde entre as sucessoras como data de término mais tarde da predecessora;
  • Determinar as folgas de cada atividade.

Depois de encontrar o Caminho Crítico também é preciso em focar nos recursos humanos necessários para não gerar atrasos. Por isso, aproveitar bem as competências de cada um e distribuir as tarefas de maneira lógica será fundamental para atender aos prazos.

Fundamentalmente é isso: utilizar esse método pode ajudar muito a conseguir melhores resultados.

Gostou do artigo? Esclareceu? Se ainda tem dúvidas me procure no LinkedIn ou aqui no site: robsoncamargo.com.br.

 

E agora veja um vídeo sobre WBS e PBS:

 

Grande abraço!

Sobre o autor

Robson Camargo, PMP, MBA, GWCPM, ASF é professor nos cursos de MBA das Principais Escolas de Negócio do País: FGV, Fundação Dom Cabral e FIA/USP com Certificação PMP – Project Management Professional emitida pelo PMI, MBA em Administração de Projetos pela FEA/USP e Master Certificate pela George Washington. Robson Camargo é autor do livro PM VISUAL e criador do Método PM VISUAL. Sua equipe realiza treinamentos e consultorias em empresas do Brasil e exterior. Robson Camargo está à frente da RC Robson Camargo – Projetos e Negócios, há mais de 11 anos.

As marcas PMP, PMI, PMBOK e a logomarca “REP” RegisteredEducationProvaider são marcas registradas do Project Management Institute, Inc.

 

Deixe seu Comentário

Agenda

Confira nossa programação!

Sobre

É uma empresa de Educação Corporativa oficialmente homologada pelo PMI com o selo de R.E.P. (Registered Education Provider), alinhada com o Triângulo de Talentos do Gerente de Projetos

Você também pode se interessar

Newsletter

Fale com a gente!