Blog

Confira nossas novidades e assine nossa newsletter!

Assine nossa Newsletter

Veja outros Posts

Gerenciamento de projetos: saiba por que vale a pena investir nesta carreira

Gerenciamento de projetos: saiba por que vale a pena investir nesta carreira

Gerenciamento de projetos: saiba por que vale a pena investir nesta carreira

  • 25/1/2019
  • Robson Camargo

 

Atualmente, as organizações estão cada vez mais voltadas ao gerenciamento de projetos como forma de concretizar as metas de seus planejamentos estratégicos. Uma boa metodologia de gerenciamento de projetos permite a obtenção de sucesso nos resultados de maneira consistente e repetível.

Consequentemente, a carreira em gerenciamento de projetos está em alta. Na verdade, os conhecimentos em gerenciamento de projetos é que são valiosos para todo tipo de profissional. E esses profissionais sempre estarão em alta, uma vez que mudanças cada vez mais rápidas impactam as organizações.

O que é gerenciamento de projetos?

Antes de respondermos o que é gerenciamento de projetos, vamos lembrar o que é um projeto? É um conjunto de atividades temporárias, realizadas em grupo, destinadas a produzir um produto, serviço ou resultado únicos.

Um projeto é temporário no sentido de que tem um início e fim definidos no tempo, e, por isso, um escopo e recursos definidos.

Um projeto também é único pois não se trata de uma operação de rotina, mas sim um conjunto específico de operações destinadas a atingir um objetivo em particular. Assim, uma equipe de projeto inclui pessoas que geralmente não trabalham juntas – algumas vezes vindas de diferentes organizações e de múltiplas geografias.

E todos devem ser gerenciados de forma especializada para apresentarem os resultados, aprendizado e integração necessários para as organizações dentro do prazo e do orçamento previstos.

A Gestão de Projetos, portanto, é a aplicação de conhecimentos, habilidades e técnicas para a execução de projetos de forma efetiva e eficaz. Trata-se de uma competência estratégica para organizações, permitindo com que elas unam os resultados dos projetos com os objetivos do negócio – e, assim, melhor competir em seus mercados.

A gerência de projetos foi praticada informalmente, mas começou a emergir como uma profissão distinta nos meados do século 20.

Para que serve o gerenciamento de projetos?

As oportunidades de carreira em gerenciamento de projetos são muito amplas. Embora o gerenciamento de projetos tenha nascido das necessidades de projetos de engenharia e construção civil, aplica-se a todos os ramos de atividades.

Desde projetos de campanhas de marketing, projetos de treinamentos em recursos humanos até as mais variadas aplicações, como projetos de eventos, projetos de produtos financeiros, reestruturação e mudanças organizacionais, fusões entre empresas e outros.

De acordo com dados do Instituto de Gerenciamento de Projetos (PMI) atualmente, 20% do Produto Interno Bruto (PIB) do mundo é investido na execução dos mais distintos tipos de projetos. Isso significa que 12 trilhões de dólares de toda a riqueza mundial são gastos com o esforço de melhorar, criar ou construir algo, por meio da gestão de projetos.

O PMI também indica que existem mais de 400 mil profissionais certificados no mundo, ainda assim, faltam pessoas qualificadas.

O que é gerenciar projetos?

As principais tarefas de um Gerente de Projetos são planejar, executar e controlar a execução de um projeto. E, para gerenciar projetos de forma adequada, o Gestor de Projetos deve desempenhar não apenas tarefas técnicas relacionadas a estas atividades, mas também ficar atento à aplicação das suas habilidades interpessoais, para melhor se comunicar, motivar e liderar sua equipe.

Um bom profissional dessa área deve procurar se manter atualizado, participar ativamente da comunidade de Gerenciamento de Projetos, equilibrar seu conhecimento técnico com as habilidades interpessoais e ter foco no alinhamento entre seus projetos e a estratégia da organização.

O Gerente de Projetos tem a oportunidade de ter uma visão integrada de todo o trabalho que está sendo realizado, de entender como o mesmo se alinha ao negócio da empresa e de lidar com diversas pessoas, tanto de dentro quanto de fora da organização. O Gerente de Projetos também deve entender como o seu trabalho influencia diretamente a Gestão de Qualidade  da organização.

A carreira de gerente de projetos chama muito a atenção por diversos fatores, seja pelo status que a posição apresenta, pelo salário, ou mesmo pela atuação macro, possibilitando a visão do todo que só o gestor possui. Independentemente de quais sejam as razões, fato é que é uma posição muito cobiçada tanto por profissionais experientes, quanto por recém-formados.

Como se tornar um gerente de projetos?

Não importa qual seja o seu perfil, saiba que com os esforços alinhados na direção correta, tornar-se um gerente de projetos é possível. Confira!

Capacitação

Caso você nunca tenha trabalhado com a gestão de projetos, uma das melhores formas de agregar conhecimento sobre o tema é fazer curso de gerenciamento de projetos. Não importa se online ou ministrados presencialmente.

Qualquer conhecimento oriundo de um treinamento tenderá a esclarecer muitos conceitos básicos de gerenciamento de projetos e que serão fundamentais para o aprofundamento do aprendizado, posteriormente.

Também vale a consulta de livros de gerenciamento de projetos, como por exemplo, Fundamentos do Gerenciamento de Projetos da editora FGV.

O conhecimento na prática

Com base nos conhecimentos obtidos nos cursos de capacitação, ou mesmo obtidos em bibliografia introdutória, exercite o gerenciamento de projetos na prática.

Tente administrar tudo como um projeto, por exemplo, a festa de aniversário de um amigo ou o planejamento de uma viagem de férias.

Na empresa, tente entender como ocorre a sua interação como o recurso de um projeto e não hesite em ser proativo colocando em prática todo o aprendizado obtido.

Outra grande oportunidade para aplicar o conhecimento é por meio de ações de voluntariado. Buscar esse tipo de atuação, além de valorizar o currículo, permite praticar o gerenciamento. Ações como essas irão proporcionar experiência prática, além do impacto positivo na comunidade que o voluntariado em si vai trazer.

Somente na fase em que se sentir confiante, passe a ser responsável pelo gerenciamento de projetos “oficiais”. Não se preocupe com quanto tempo vai levar até que se sinta seguro, é importante que você tenha plena consciência do que está fazendo.

Tenha em mente que a figura do gerente de projetos representa a organização junto aos clientes, é um cargo que exige responsabilidade, maturidade, experiência, conhecimentos e habilidades, a fim de proporcionar bons resultados à empresa.

Especialização

Existem diversos cursos de pós-graduação em gerenciamento de projetos, ou mesmo MBA em Gestão de Projetos. Depois de formado, investir em uma especialização tende a turbinar o currículo, além do networking que, invariavelmente, ocorre durante a formação.

Conforme você avançar em sua carreira, vai observar que o mercado de trabalho exige certificações e formações. Elas são necessárias para você construir e avançar em sua carreira. Portanto, comece definindo seus objetivos de carreira e identificando os conhecimentos necessários.

Somente depois que você possuir experiência suficiente, procure as certificações. Lembre-se que obter uma certificação é um processo. Não é um evento que torna você melhor do dia para noite. Você deve se preparar por algum tempo, estudando e aplicando, para obter o reconhecimento desejado.

Embora as certificações abram muitas portas, sejam pré-requisitos em vagas de empresas e em concursos públicos, o conhecimento e a experiência são os ativos mais valiosos que realmente vão fazer você progredir.

Por tudo isso, evite ao máximo posições confortáveis. No mundo da gestão de projetos a acomodação tende a frustrar completamente a carreira, pois sempre estão surgindo novas tendências, tecnologias, metodologias, ferramentas e os profissionais da área devem acompanhar esse compasso de constante evolução.

Além da formação, ou mesmo as mais expressivas certificações, é de fundamental importância compreender outras habilidades relativas ao perfil de um gerente, por exemplo: Ter personalidade de liderança, gozar de facilidade para se relacionar com as pessoas, exercer uma boa comunicação, lidar bem com os trabalhos de negociação, ser flexível, organizado etc.

Agora veja um vídeo sobre como iniciar a carreira no gerenciamento de projetos:

 

 

Sobre o autor

Robson Camargo, PMP, MBA, GWCPM, ASF é professor nos cursos de MBA das Principais Escolas de Negócio do País: FGV, Fundação Dom Cabral e FIA/USP com Certificação PMP – Project Management Professional emitida pelo PMI, MBA em Administração de Projetos pela FEA/USP e Master Certificate pela George Washington. Robson Camargo é autor do livro PM VISUAL e criador do Método PM VISUAL. Sua equipe realiza treinamentos e consultorias em empresas do Brasil e exterior. Robson Camargo está à frente da RC Robson Camargo – Projetos e Negócios, há mais de 11 anos.

As marcas PMP, PMI, PMBOK e a logomarca “REP” Registered Education Provaider são marcas registradas do Project Management Institute, Inc.

 

 

 

Deixe seu Comentário

Agenda

Confira nossa programação!

Sobre

É uma empresa de Educação Corporativa oficialmente homologada pelo PMI com o selo de R.E.P. (Registered Education Provider), alinhada com o Triângulo de Talentos do Gerente de Projetos

Você também pode se interessar

Newsletter